Dia do Trabalho é tema de atrações na Flipoços

Mesas redondas e palestras falaram sobre o feriado nacional na programação do evento ao longo do dia 1º de Maio

Publicado em 01/05/2018
Por Assessoria Flipoços

 (Foto: Bruno Alves/Flipoços)

O Dia do Trabalho foi tema da programação de hoje (1º de maio) na13ª Feira Nacional do Livro e Festival Literário de Poços de Caldas (Flipoços). As atividades começam logo cedo e se estendem ao longo do dia.

PROGRAMAÇÃO

Às 9h30, o taiwanês Chiu Yi Chih trouxe uma palestra sobre a filosofia taoísta e a metacorporeidade. Chiu Yi Chih é professor do tema no Centro Cultural de Taipei, em Taiwan, além de poeta e tradutor. A palestra aconteceu no Teatro Benigno Gaiga, com entrada franca.

Às 14h, na Arena Cultural, na área externa do Complexo Cultural da Urca, o debate foi sobre “Literatura, Religião e Crenças Populares – Ubuntu! Saberes e Ancestralidade”, com a Associação dos Terreiros de Poços de Caldas e mediação da presidente da Associação Afro-brasileira Chico Rei, Lúcia Vera Lima.

Às 15h, na Biblioteca Nilza Megale, também no Complexo Cultural da Urca, aconteceu uma mesa redonda em homenagem ao contista Caio Fernando Abreu, que completaria 70 anos de idade em 2018. A apresentação será de Sérgio Roberto Montero Aguiar. Foi dado o nome de “Um passeio pelas paisagens wild side dos contos de Caio Fernando Abreu" à apresentação.

Às 15h30, o Teatro Benigno Gaiga recebeu a mesa sobre literatura e abuso sexual, com a nadadora Joanna Maranhão, a escritora Andrea Viviana Taubman, e o promotor de justiça Sidnei Boccia. O tema é baseado no livro “Não me toca, seu boboca!”, de Andrea Viviana Taubman.

No mesmo local, mas às 16h30, ocorreu a mesa sobre literatura moçambicana com os autores Dany Wambire e Manuel Mutimucuio, também com lançamentos exclusivos no evento.

E às 19h, acontece uma das principais atrações do dia, que será a mesa de artes plásticas, com Tarsilinha do Amaral, sobrinha-neta da artista, Ricardo Ohtake, filho de Tomie Ohtake e o muralista graffiteiro Eduardo Kobra. A mediação é de Sérgio Montero, no Teatro Benigno Gaiga.

Segundo a organização da Feira Nacional do Livro e Festival Literário de Poços de Caldas, já passaram pelo evento pelo menos 20 mil pessoas nos dois primeiros dias de atividades. As atrações seguem até o próximo domingo, dia 06 de maio.

 Clique aqui e confira a programação completa.

flipocos.com/paginas/programacao.html